Blog da Família de Mídias Sociais

Divulgando e compartilhando experiências com novas tecnologias educacionais.

Educação 3.0? O que é isso?

por Barbara Moura

Educação 3.o?  Sociedade 3.0? Transformação 3.0? Escola 3.0? Que tanto 3.0 é esse?

Sei que muitos professores têm tais questionamentos em mente. Minhas colegas e eu já conversamos a respeito disso e de quão complicado é para uma geração pré-digital compreender os anseios de uma geração tão conectada como a atual, a chamada Geração Y.

Como deve ser nossa postura de tal forma a favorecer uma aprendizagem colaborativa em um mundo tão dinâmico? Talvez essa seja a pergunta 3.0!

A resposta ainda será escrita por nós, educadores. Entretanto, é tempo de refletir.

Li recentemente um artigo da Doutora em Educação pela Universidade de São Paulo, Professora Luciana Maria Allan, especializada em tecnologias aplicadas à educação no portal de educação e tecnologia do instituto Ayrton Senna e foi de grande auxílio na elaboração de novas idéias acerca dos 3.0 tão discutidos.

A doutora Luciana afirma que com a adoção das tecnologias digitais dentro e fora das salas de aula, a transmissão do conhecimento vem se tornando, rapidamente, um grande desafio para uma geração de professores que estudou e aprendeu a ensinar em uma era pré-digital e não contava com recursos de interação e colaboração capazes de conectar mestres, estudantes e a sociedade civil de uma forma geral, independente de formação, cultura ou nação onde vivem.

E explica a origem do termo Educação 3.0 ao dizer que com tantas ferramentas à disposição para aprender e compartilhar, a Geração Y está exigindo das escolas uma veloz revolução nas metodologias de ensino capazes de sedimentar uma estrada sólida para a Educação 3.0, termo que vem sendo amplamente disseminado por pensadores como o americano Jim Lengel, professor da Universidade de Nova York, que, entre outros fatores, define esta nova escola como uma instituição na qual “alunos e professores produzem em conjunto, empregam ferramentas apropriadas para a tarefa e aprendem a ser curiosos e criativos”.

O termo Educação 3.0 foi usado pela primeira vez em 2007 pelo professor Derek Keats, da Universidade de Witwatersrand, de Joanesburgo (África do Sul), para definir o uso e o impacto na educação do aprendizado colaborativo e personalizado, a reutilização de conteúdos de aprendizado e o reconhecimento do aprendizado através de métodos formais ou informais.

Ficou interessado? Leia essa artigo na íntegra acessando http://www.educacaoetecnologia.org.br/?p=5913 e comente aqui suas ideias acerca da Educação 3.0!

About these ads

1 Comentário

  1. Barbara, bom dia. Creio que temos ainda muito a discutir em relação aos novos anseios dessa Geração Y e nós, professores, precisamos estar conectados com os novos avanços das tecologias. Somos uma camada da sociedade que precisamos estar a frente para compartilharmos saberes muito significantes para o futuro tão presente.

Deixe um comentário.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 12.583 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: